Portal MF

Coluna Intervalo

O destaques do mundo do esporte
Por Cristiano Alves

Publicada em 02 de Abril de 2017 ás 00:13:54
Foto: Saeed Khan/AFP

 Uma das novidades na Fórmula 1 para a temporada de 2017 foi a contratação de Lance Stroll pela Williams. Com apenas 18 anos, o canadense foi escolhido pela escuderia para ser o substituto de Felipe Massa, que mais tarde retornou ao time no lugar de Valtteri Bottas. Contudo, muitos desaprovaram a chegada do jovem piloto à categoria.

Apesar de ter sido campeão em categorias menores, como o fato de ter vencido a Fórmula 3 em 2016, Stroll não tinha experiência na F1, não tendo passado, inclusive, pela Fórmula 2, da qual normalmente os pilotos se transferem à principal. Mesmo assim, o canadense exalta que está pronto, e que as críticas são feitas por invejosos.

“Nós sabemos o que é necessário para chegar até aqui. Então é normal. Não acho que preciso soletrar, mas é assim que as coisas são. Você sempre vai encontrar pessoas com inveja e que não gostam de você por razões erradas. Obviamente as pessoas que não estão na Fórmula 1 estão tentando achar desculpas sobre por que não estão na categoria”, declarou ao Autosport.com.

No primeiro Grande Prêmio do ano, na Austrália, Lance abandonou a prova e, durante os testes da pré-temporada, o canadense teve problemas e chegou a bater a Williams. Mesmo assim, Stroll acredita que tenha o respeito dos demais pilotos do grid.

“Eu acho que os pilotos da F1 têm respeito uns pelos outros. Os pilotos sabem que vencer a Fórmula 4, a Fórmula Renault e a Fórmula 3 demanda muito esforço e trabalho”, completou. Stroll tentará finalizar sua primeira corrida na F1 no próximo domingo, no GP da China.

Com informações do Gazeta Esportiva

Por Cristiano Alves

Publicada em 02 de Abril de 2017 ás 00:03:27

 Um evento um dia antes do clássico contra o Bahia de Feira no Estádio Joia da Princesa marca o lançamento do novo programa de sócio torcedor do Fluminense. Hoje às 10 horas, na sede da Associação Comercial de Feira de Santana, todo o estafe do Touro do Sertão estará recebendo conselheiros e torcedores do clube para que seja feita uma explanação e consequentemente a comemoração deste momento que o clube vive com o lançamento deste projeto. 

O programa de sócio torcedor do Fluminense de Feira, batizado de “Sócio Touro” irá disponibilizar três opções de planos – a partir de R$ - para os adeptos com cadastro totalmente online, pelo site. De acordo com o diretor de marketing do Fluminense de Feira, Xiko Melo, o programa de sócio torcedor faz parte do processo de inovação e profissionalização pelo qual o clube passa com a atual diretoria, capitaneado pelo diretor de futebol José Francisco, que deu uma nova visão empresarial e esportiva ao Touro. “Nós buscamos um programa de sócios porque queremos estar mais próximos do torcedor. Temos um planejamento para várias ações que irão beneficiar muito os sócios, além de contribuir para o crescimento do clube com uma nova receita”, explica Xiko Melo.

No plano Touro Ouro, o sócio torcedor terá direito a 50% de desconto na compra de ingressos para as partidas com mando do Fluminense e opção de inclusão de um dependente. Enquanto no plano Touro Vip, o acesso aos jogos é gratuito, também com opção de adicionar um dependente. O terceiro plano é o Touro Fidelidade, que dá direito aos demais benefícios do programa.

Todos os planos incluem kit oficial de sócio, com carteirinha, certificado e adesivo, além de participação em ações exclusivas promovidas pelo clube. Outro benefício é uma rede de descontos em diversas lojas, no qual os empresários de Feira de Santana e região poderão se cadastrar sem custo para conceder descontos ao sócio do Touro. Já através deste dispositivo, o sócio tem acesso a promoções de grandes redes varejistas, sendo que uma porcentagem da compra pode retornar ao clube. Mais informações podem ser obtidas pelo site.

SÓCIO TORCEDOR

Uma das fontes de renda dos clubes reside em programas de sócios torcedores, uma forma de injeção de recursos mensal, que conta com a paixão dos torcedores pelo clube. Grandes times do cenário nacional possuem programas de sócio torcedor, a exemplo o Corinthians, com mensalidades s partir de R$ 9,90e o Bahia, com mensalidades a partir de R$ 40 (o plano para adultos, já que o clube possui uma modalidade exclusiva para crianças). 

Por Cristiano Alves

Publicada em 01 de Abril de 2017 ás 23:57:36

 Quando se fala em clássico, o clima na cidade se torna diferente: há uma grande movimentação de torcidas, um trabalho diferenciado dos times, até mesmo da própria imprensa, que busca motivar, convocar o torcedor para comparecer ao estádio para fazer uma festa bonita, já que o bonito do futebol é ver campos cheios, torcidas vibrando com os resultados e isso tudo, na verdade são ingredientes que compõem um grande clássico, até mesmo a forma como este colunista normalmente escreve a sua coluna hoje está sendo diferente.

Ora, Fluminense x Bahia de Feira, num passado distante era um jogo de torcidas dividas, um “derby”, assim por dizer dos mais charmosos que começou no futebol amador e depois veio para o futebol profissional. Nem sonha em nascer, mas os colegas veteranos garantem que a movimentação para o clássico era intensa. É logico, que hoje a movimentação não seja mais a mesma, já que ainda o Bahia de Feira está à caça de conquistar novos torcedores e a sua torcida, outrora grande, se encolheu com o tempo. Mesmo assim, o que se vê hoje é de se causar um frisson por conta da situação que envolve os times, que buscam a todo custo o triunfo para alcançar os objetivos específicos.

Se observamos as campanhas, o Fluminense tem ampla vantagem por estar invicto, por estar na 2ª colocação com 20 pontos e ainda perseguir a liderança geral para ter vantagens na fase semifinal do Campeonato Baiano, onde se classificou com duas rodadas de antecedência realizando uma campanha fruto de um trabalho que começou há dois anos, quando o time estava num quase ostraciscmo de uma 2ª divisão estadual.

O Bahia de Feira clube do interior que tem o título baiano mais recente (2011), hoje busca solidificar a sua estrutura fora de campo e dentro dele, o Tremendão busca voltar a evidência depois de “pisar o pé no freio” durante um tempo e agora, que houveram avanços na construção do seu complexo esportivo o time volta com tudo em busca de projeção.

A situação do Tremendão em termos de chance de classificação é complicada, mas ainda sim existe, é real e justamente nesta esperança que os jogadores se pegam para buscar um triunfo a todo custo. Um jogo, que sinceramente é dos mais interessantes e vale a pena o torcedor prestigiar. Quem vai ganhar? Sinceramente clássico é complicado fazer prognósticos, mas vai ganhar aquele que tiver maior tranquilidade e for mais competente.

Então, vamos ao Joia da Princesa!!!!!!

Cristiano Alves - Jornalista - DRT-BA-2300 

Colunista de Esporte do Portal MF e Editor chefe do Jornal Folha do Estado 

 

Por Cristiano Alves

Outras postagens de Cristiano Alves