Portal MF

Coluna Feira Terra de Cultura

Tudo sobre a cultura feirense.
Por Emerson Azevedo

Publicada em 27 de Maio de 2016 ás 21:24:23

Coordenação de Música da FUNCEB divulga 5ª chamada do Mapa Musical

 A Coordenação de Música da Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB), entidade vinculada à Secretaria de Cultura da Bahia (SecultBA), torna pública a 5ª chamada do projeto Mapa Musical da Bahia. Com um layout mais intuitivo, a plataforma estará com inscrições abertas até 23 de julho que podem ser feitas pela internet, através do site www.mapamusicaldabahia.com.br, ou pelos Correios, mediante envio de formulário disponível no site. Neste mesmo período acontece também o recadastramento dos inscritos, indicados ou não, no Mapa Musical de 2012, 2013 e 2014. Desde a 4ª chamada o recadastramento dos artistas inscritos nas edições anteriores se faz obrigatório para a atualização do banco de dados. Em sua nova versão, foram também incorporadas ao Mapa as obras musicais selecionadas dos inscritos na 3ª chamada de 2014. As obras cadastradas em 2015 na 4ª chamada encontram-se em processo de curadoria. 

Mapa Musical da Bahia

O projeto é uma iniciativa da Coordenação de Música da FUNCEB e visa identificar, valorizar e promover a diversidade da música em todo o Estado da Bahia, reconhecendo a produção autoral dos músicos e profissionais que atuam nos seus 27 Territórios de Identidade. Desde a sua criação, em 2012, o Mapa Musical tem por objetivo mapear e manter um diálogo aberto e constante entre a sociedade civil e o Estado, permitindo a elaboração de estratégias de ação em resposta às demandas apresentadas.

Ampliação do projeto

Nesta 5ª chamada, para tornar mais eficaz este mapeamento, a Coordenação de Música expandiu o projeto visando abraçar, além dos músicos, todos os agentes da cadeia musical do Estado da Bahia, como: regentes, músicos de Filarmônica, intérpretes, produtores, diretores artísticos, musicais, DJs, Luthier, professores de música, Roadie, Iluminadores, técnicos de som, de estúdio, engenheiros de som, profissionais de comunicação, estudantes, arte-educadores, musicoterapeutas, cenógrafos e desenvolvedores de sites Musicais.

Para se cadastrar, os músicos devem apresentar informações sobre sua carreira, podendo também anexar até três obras de sua autoria e/ou obras de domínio público com arranjo musical autoral. O procedimento para outros profissionais é similar: basta preencher as informações com seu histórico profissional e currículo e, caso queira, anexar arquivo PDF de até 5mb com release ou peça promocional.Para o recadastramento um novo formulário de preenchimento foi desenvolvido para otimizar a leitura dos indicadores informados eorientar melhor a criação de diretrizes de apoio. Os inscritos podem ter acesso ao seu cadastro através do mesmo e-mail e senha. O regulamento e o formulário estão disponíveis em: http://inscricao.mapamusicaldabahia.com.br/mapamusical/inicial.aspx.

 

Por Emerson Azevedo

Outras postagens de Emerson Azevedo